Notícias

Principais motivos da dor de dente

principais-motivos-da-dor-de-dente

Escrito por Uniodonto

20 MAI 2022 - 14H00

Quem já teve dor de dente sabe o quanto é desconfortável. Normalmente, começa com um leve incômodo que, quando ignorado, geralmente se intensifica, podendo causar problemas ainda mais graves, além dessa dor.

Mas vamos entender melhor como esse problema pode começar.

Nossos dentes são basicamente formados por duas partes: a coroa, que é a parte do dente que aparece no sorriso e está fora da gengiva; e raiz, ou raízes, que são as estruturas que estão normalmente situadas dentro do osso e cobertas pela gengiva. A coroa e as raízes têm, em seu interior, a polpa, que é um feixe de vasos sanguíneos e nervos, responsável pela sensibilidade e vitalidade dos dentes.

A polpa que está na coroa é protegida por duas camadas de estruturas mineralizadas: o esmalte, que á a camada mais superficial, mais clara e mais calcificada e, abaixo do esmalte, a dentina, uma camada mais amarelada e porosa, que tem contato direto com o tecido pulpar.

Como a polpa do dente concentra vasos sanguíneos e nervos, quando um dente está desprotegido, ou seja, com alguma parte da coroa danificada (esmalte ou dentina), ele pode ficar sensível, pois há exposição direta ou indireta deste nobre tecido.

As raízes não apresentam a camada de esmalte, são formadas pela dentina. Devido à sua porosidade, podem gerar sensibilidade ou dores nos dentes, quando expostas no sorriso, como ocorre nos casos de retrações gengivais ou doenças gengivais.

Veja como essa exposição pode ocorrer:

Sensibilidade: a sensibilidade normalmente acontece quando o esmalte do dente se desgasta e expõe a dentina, a camada inferior, que é um pouco mais frágil. Esse desgaste pode acontecer por inúmeros motivos, mas é comum que ocorra pelo bruxismo, que é um hábito de ranger os dentes.

Cáries: as bactérias acumuladas nos dentes geram um desgaste que vai avançando aos poucos nas suas camadas. Quando elas chegam ao nervo do dente, começam as dores. O mais indicado é tratar uma cárie logo no início, pois a longo prazo, o problema pode ocasionar até a perda do dente.

Doenças e inflamações na gengiva: pela proximidade da gengiva com o dente, pode acontecer uma confusão entre ter dor no dente ou na gengiva. Problemas como a gengivite podem causar dores muito agudas.

Essas são as causas principais da dor de dente, mas existem outros problemas que, se não tratados adequadamente, podem se agravar.

É importante lembrar que escovar os dentes após as refeições e utilizar o fio dental diariamente são ações fundamentais para manter a saúde bucal em dia. Mas não se esqueça também de visitar regularmente o dentista, pelo menos duas vezes ao ano.

Para cuidar dos seus dentes constantemente sem ter que se preocupar em investir muito para manter a saúde bucal, contrate um dos planos da Uniodonto. Com certeza, algum deles é ideal para você. Clique aqui e conheça.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Fazer login

Responsabilidade de senha
Esqueci minha senha

Boleto

Carregando ...

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Uniodonto, em Notícias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.